Nova Previdência: governo criou portal na internet que traz informações sobre as mudanças


A página criada pelo Governo Federal tem como objetivo trazer todas as informações sobre as mudanças propostas com a Reforma da Previdência. Chamado de portal da Nova Previdência, os brasileiros terão acesso as medidas que foram inclusas no texto, o porquê dessas alterações e como caminha a aprovação do projeto.

Essa é uma forma de orientar a população, mostrar quais são as expectativas e sanar todas as dúvidas. Na aba “Um Novo Brasil”, um texto institucional, de oratória simples, mostra qual a importância de reformular as regras da previdência. Trazendo pontos sobre a economia, como a possibilidade de poupar até R$1 trilhão em dez anos.

Além de destacar a Medida Provisória (MP) voltada ao combate de fraudes e irregularidades no INSS, que segundo o governo, em dez anos vai gerar R$200 bilhões de economia para o país. Quer dizer, são pontos que visam favorecer a opinião do leitor sobre a aprovação da PEC.

Hoje, o texto da reforma está no Senado e deve ser lido e aprovado pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania, até o fim de setembro. Para que em outubro tenha início a votação de dois turnos no Plenário do Senado. Todo as etapas fazem parte da ordem de aprovação de uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC).

Caso seja aprovada nas fases seguintes, o último passo é realizar uma sessão no Congresso, com a presença do presidente Jair Bolsonaro, e então declarar o sancionamento das propostas. Devendo acontecer até o fim desse ano, para vigência a partir de 2020.

No portal, o cidadão consegue informações sobre os principais pontos da reforma. Organizados e definidos pelo próprio governo:

  • Pensão por morte;
  • Auxílio doença;
  • Pessoa com deficiência;
  • Tempo de contribuição;
  • Estados e municípios;
  • Novas regras da previdência.

16 de agosto de 2019

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 4
Total de Votos: 1

Nova Previdência: governo criou portal na internet que traz informações sobre as mudanças

One Response

  1. Cristiano Germano dos Santos

Leave a Reply